Flores no supermercado

Os supermercados também se tornaram ambientes de oportunidades de oferta de flores e plantas. E, por conta disso, muitos varejistas já disponibilizam espaços de destaque para floriculturas nos estabelecimentos.

Esta possibilidade também abriu espaço para que profissionais auxiliassem os supermercadistas no desenvolvimento da área de flores, visando oferecer beleza e um bom faturamento. Angela Marin é especialista em gestão de flores nos supermercados e também cliente Cooperflora.

Esta gestão e fornecimento de flores tem como objetivo aumentar as vendas, embelezar, decorar e perfurmar as lojas, além de minimizar as perdas de produtos nos supermercados.

Angela falou mais sobre o assunto em uma entrevista super legal para a revista Mercaurantes, que pode ser lida na íntegra clicando neste link.

Foto: Revista Mercaurantes

Fonte: Revista Mercaurantes

Natal com flores desidratadas

Durante a pandemia, pela praticidade e alta durabilidade desses produtos, as desidratadas explodiram no Brasil e, para atender os pedidos de nossos clientes e essa demanda, começamos a comercializar diversas variedades desse produto. De rosas e rosas spray a limoniuns, as possibilidades de combinações são gigantescas!

E porque não utilizá-las também nas decorações natalinas? Nossas flores desidratadas podem ser utilizadas sozinhas ou acompanhadas de flores frescas. Fica incrível e nós podemos provar!

Abaixo, você confere exemplos de composições, arranjos e guirlandas produzidas pelo designer floral, Michel Benevenute, e por seus alunos.

Pantone divulga a Cor do Ano 2022

A Pantone, referência mundial em sistemas de cores, divulgou na quarta-feira, dia 8 de dezembro, a cor do ano 2022: PANTONE 17-3938 Very Peri. Ao anunciar a cor do ano, a empresa frisou que a tonalidade escolhida “nos ajuda a abraçar esta paisagem alterada de possibilidade, abrindo-nos para uma nova visão, enquanto reescrevemos nossas vidas”.

A decisão pela cor Very Peri tem ligação direta com o momento atual em que vivemos, quando começamos a sair de um longo período de isolamento, em decorrência da pandemia, e as noções e padrões de nossas vidas física e digital já se encontram convergindo.

Para o vice-presidente do Pantone Color Institute, “a criação de uma nova cor, pela primeira vez na história de nosso programa educacional de cores PANTONE Color of the Year, reflete a inovação e transformação globais que estão ocorrendo”.

Para chegar à seleção, a cada ano, os especialistas em cores da Pantone no Pantone Color Institute ™ vasculham o mundo em busca de novas influências de cores. Isso pode incluir a indústria do entretenimento e filmes em produção, coleções de arte em viagem e novos artistas, moda, todas as áreas do design, destinos de viagens populares, bem como novos estilos de vida, estilos de diversão e condições socioeconômicas. As influências também podem advir de novas tecnologias, materiais, texturas e efeitos que afetam a cor, plataformas de mídia social relevantes e até eventos esportivos futuros que capturam a atenção mundial.

Color Harmonies

Fonte: https://www.pantone.com/

Suvinil divulga “Eclipse” como sua cor do ano para 2022

Na última quinta-feira, dia 14 de outubro, a Suvinil anunciou sua cor do ano para 2022: o verde Eclipse. Segundo a marca, este é um tom de verde fresco, que traz a energia e a saturação que precisamos ao entrar em uma nova aventura.

Batizado de “Sensações Cromáticas”, o Suvinil Revela 2022 é assinado pelo consultor de cores da marca, Michell Lott, e apresenta 45 cores distribuídas em três macrotemas – Mundo Ideal, Mundo Surreal e Mundo Digital.

A escolha da cor do ano permeia as tendências que o mundo da moda, design e decoração seguirá pelos próximos 12 meses. E isso também impacta na tomada de decisão dos decoradores florais ao considerarem cores e combinações a serem utilizadas em festas e eventos.

Confira a cor do ano 2022 e as combinações propostas pela Suvinil:

Mundo Ideal
Mundo Surreal
Mundo Digital
Saiba por que as pessoas estão pendurando eucalipto no chuveiro

Em uma ‘zapeada’ pelo Pinterest ou até mesmo pelo TikTok, você pode acabar se deparando com essa mania: a de colocar galhos de eucalipto no chuveiro.

Não pense você que é para deixar a decoração mais atraente. O motivo é outro e nós vamos te explicar qual é e porque você deveria tentar também.

Eucalipto pendurado no chuveiro e por que você deveria fazer o mesmo

Esses lindos ramos frescos com folhas tão delicadas têm uma função poderosa quando o assunto é bem-estar. E é por isso que eles têm migrado para o box do banheiro. Tudo isso por conta de suas propriedades medicinais.

Além do aroma delicioso e naturalmente refrescante, o óleo essencial do eucalipto tem funções já há muito conhecidas.

Tradicionalmente, é usado para resfriados, gripes e problemas respiratórios. Uma das substâncias nele presente, o eucaliptol, por exemplo, ajuda a dilatar os brônquios, facilitando a saída de catarro e secreções acumuladas, melhorando a respiração.

Se fosse só isso já estaria bom, mas essa planta também tem o poder calmante e relaxante.

Tá. Mas por que raios pendurar na ducha do banheiro? 

Simples! Porque com o vapor da água morna ou quente, as moléculas de óleo de eucalipto são liberadas com mais facilidade.

A técnica também é ótima aliada para quem quer eliminar a sensação de estresse e aliviar um pouco a ansiedade ao fim do dia. Funciona como uma aromaterapia em um dos momentos mais relaxantes que é a hora do banho.

Como fazer o banho de eucalipto

Basta você comprar um ramo de eucalipto e colher perto de sua casa, lavá-los bem, amarrar os raminhos como um buquê e pendurar de cabeça para baixo no chuveiro.

Se desejar aumentar ainda mais a sensação de bem-estar, pode pingar algumas gostas do óleo essencial em seu box.

Fonte: Catraca Livre

Crédito foto: Liudmila Chernetska/istock

Mulheres que vivem rodeadas de plantas vivem mais, diz a ciência

Pesquisadores da Universidade de Harvard divulgaram um estudo na Environmental Health Perspectives, que revela que mulheres que vivem em um espaço rico em vegetação vivem mais. De acordo com a pesquisa, nesses lugares o índice de mulheres que falecem é 12% menor do que em outros espaços. Isso só reafirma a importância de viver em comunhão com a natureza.

O teste foi realizado com uma grande quantidade de mulheres, no total 108 mil e durou por 8 anos, no período de 2000 e 2008. Esta análise da exposição à natureza foi cuidadosamente estudada.

As participantes da pesquisa puderam vivenciar vantagens de vidas passadas aproveitando o verde dos bosques e parques, tanto psicológica quanto fisicamente. Segundo o pesquisador Peter James: “uma grande parte dos aparentes benefícios dos altos níveis de vegetação parece estar associada à melhoria da saúde mental”. No estudo uma boa porcentagem das mulheres apresentaram diminuição nos níveis de depressão, isso se deve ao fato de que este estilo de vida cria mais possibilidade de estabelecer relações e atividades sociais.

Além do alívio psicológico, cercar-se de plantas também pode reduzir os riscos de doenças respiratórias e tumores, uma vez que o ar puro da floresta se contrapõe à poluição dos grandes centros urbanos.

A dica dos especialistas é que, mesmo não podendo morar em áreas onde o verde é abundante, pelo menos devemos adquirir o hábito de cultivar plantas em casa. Faça jardins ou de sua varanda um bom lugar para mantê-las mais próximas a nós.

Fonte: ContioutraAuthentic Sneakers | nike air max 97 lemonade yellow dress

Vasos em casa: dicas para cuidar das suas plantas

Se você é do nosso time e acha que qualquer ambiente da casa é lugar para um vaso, então nós temos algumas dicas que irão te ajudar a cuidar ainda melhor das suas plantinhas!

É preciso lembrar que cada planta tem suas características próprias, sua beleza e suas necessidades. Por isso, nós separamos alguns cuidados específicos a serem tomados com as espécies dentro de casa.

ORQUÍDEA: Manter em local iluminado sem luz direta, colocar 3 cubos de gelo abaixo das folhas 1 vez por semana.

SUCULENTA E CACTUS: A planta pode ser mantida dentro de casa, na varanda ou jardim. Regue todos os dias e não deixe acumular água no pratinho.

 GIRASSOL: Manter o vaso em local bem iluminado, regar duas vezes por semana mantendo a terra úmida. Não molhar as folhas e flores.

SAMAMBAIA: Luz indireta, ideal para ambiente interno. Regar uma vez ao dia.

JIBOIA: Luz direta, regar duas vezes na semana.

KALANDIVA: Manter o vaso em local bem iluminado, regar duas vezes por semana mantendo a terra úmida. Não molhar as folhas e flores.

PEPEROMIA: Luz direta, não necessita de muita água. Uma vez na semana é suficiente.

FITONIA: Luz direta ou indireta, regar duas vezes na semana.

FILODENDRO: Luz direta, não necessita de muita água. Uma vez na semana é suficiente.

ABACAXI ROXO: Manter o vaso em local bem iluminado, regar duas vezes por semana mantendo a terra úmida. Não molhar as folhas e flores.

ERVAS: A planta pode ser mantida dentro de casa, na varanda ou jardim. Regue todos os dias e não deixe acumular água no pratinho.

BROMÉLIA: Pode ser cultivada dentro ou fora de casa, água 2 vezes por semana. Molhar apenas o substrato.

Gostou? Agora é só colocar a mão na massa!

FLORACAST: um podcast para quem ama falar sobre flores

Já está no ar o primeiro podcast sobre flores! Com o intuito de compartilhar conteúdo sobre o tema de forma dinâmica, prática e interativa, a Cooperflora lançou o “Floracast”. No ar desde abril de 2021, o podcast traz como convidados, especialistas no setor para discutir sobre o mercado das flores, suas tendências, desafios e inovações.

Com bate-papos descontraídos, nós buscamos te atualizar sobre os principais assuntos da área e propomos discutir, de maneira leve e informativa, temas que impactam e agregam conhecimento aos produtores, compradores e entusiastas das flores.

Ao longo das últimas semanas, já conversamos sobre posicionamento de marca no Instagram com Rafael Stefani, da Agência Blues (este foi um episódio produzido através de questionamentos de floriculturas sobre o assunto) e adequações do mercado em tempos de pandemia e reinvenção no formato digital com nossa cliente Cooperflora e idealizadora do espaço Galeria Botânica, Gabriela Nora.

Para falar sobre conservação das flores no pós-colheita, batemos um papo com Gustavo Vieira, engenheiro agrônomo e profissional responsável pela área comercial de varejo da Cooperflora. Em seguida, para o 4º episódio do podcast, conversamos com Fernanda Wanderlind, gestora da área Gestão e Gente, sobre o “Jeito de Ser” da Cooperflora;

Também discutimos sobre flores desidratadas e a tendência do setor, com Marina Pierobon, do ateliê Lá da Naná; inspiração e referências do profissional das flores, com o artista floral, Michel Benevenute e sazonalidade das flores, com o especialista em produtos na Cooperflora, Edson Ribeiro.

Melhoramento genético de plantas e flores e o trabalho do breeder foi o tema do nosso 8º episódio e, para falar sobre o assunto, convidamos o agrônomo e diretor da ball Horticultural do Brasil, Roberto Berganton; a proprietária da tradicional floricultura curitibana, Agapanthus, Márcia Carazzi foi nossa companhia para conversamos sobre os novos hábitos no consumo de flores. E, em nosso mais recente episódio, falamos sobre inovação e tendências na decoração floral, com Paula Lo Frano, responsável pelo marketing da Floral Atlanta.

Para ouvir os episódios acima, basta acessar o “Floracast” na plataforma de streaming Spotify ou clicar aqui. Novos episódios são disponibilizados semanalmente, às terças-feiras. Todo o conteúdo pode ser acessado de forma gratuita.

Contamos com sua companhia nessa jornada sobre o mundo das flores!

 

Florir com acessibilidade #ParaCegoVer

Nas últimas décadas, houve uma expressiva melhoria na acessibilidade para pessoas com deficiência no Brasil, iniciando com a Constituição de 1988, que instituiu inclusão social. Em 2015, foi instituído o Estatuto da Pessoa com Deficiência, que, dentre outras coisas, reforçava a garantia dos direitos fundamentais e acesso à justiça e punição para atitudes discriminatórias. A inclusão, no entanto, tem que acontecer em todos os âmbitos, inclusive o digital. 

As pessoas com deficiência visual não conseguem visualizar as fotos que postamos no Instagram, por exemplo e o Movimento Web para Todos” (https://mwpt.com.br/) alerta para essa necessidade de tornar acessíveis perfis de redes sociais, sites e aplicativos. Muitas empresas adotaram as hashtags #ParaCegoVer, #TimelineAcessível, e diversas outras como meio de acessibilizar seus perfis. Atualmente, o Instagram, Twitter, Facebook, entre outros, possuem ferramentas de descrição de fotos ou texto alternativo, como é chamado em alguns locais. 

Reconhecendo a importância e necessidade dessa atitude, a Cooperflora começará a descrever as imagens de nossos posts, esperando que possamos traduzir a beleza das flores e aproximar todos os nossos seguidores, principalmente os que não eram incluídos anteriormente. 

 

Fontes: https://mwpt.com.br/ 

https://ambitojuridico.com.br/cadernos/direito-constitucional/portadores-de-deficiencia-igualdade-e-inclusao-social/#:~:text=Nos%20termos%20da%20Constitui%C3%A7%C3%A3o%20Federal,o%20direito%20%C3%A0%20educa%C3%A7%C3%A3o%2C%20o 

https://uxdesign.blog.br/trabalhando-com-texto-alternativo-de-imagens-em-redes-sociais-a22fa214ee6 

https://blog.freedom.ind.br/conheca-as-conquistas-do-estatuto-da-pessoa-com-deficiencia/ 

https://www.instagram.com/movimentowebparatodos/ 

6 passos para seu negócio atravessar os próximos meses, por Augusto Aki

Enquanto o debate sobre quando reabrir as lojas continua, convido vocês a REFLETIR sobre liquidez.

E ela que paga as contas e permite investimentos. Ela nos dá o sustento e permite qualidade de vida.

Até aí, todo mundo concorda.

Quem não tem liquidez não fica em casa, mesmo com risco a saúde. É o caso da população de baixa renda ( pois na classe média ou se tem liquidez ou se financia através dívida).

Quem continuou de alguma forma operando ou agora terá q operar a força, terá que enfrentar a falta de liquidez do mercado, ou seja, abrir não é sinônimo de liquidez.

O pior é que abrir pode nesse momento enfrentar outro problema – não ter o produto (ou por falta de entrega ou por falta de liquidez para colocá-lo).

1ª DICA – A CRISE VAI PASSAR, mas nunca mais DEVE FICAR sem reservas. Não gaste tudo que ganha e nem assuma dívidas que te impeçam de guardar dinheiro.

2a DICA– para botar sua vida financeira em ordem durante esse caos, adote o plano de emergência que postamos em http://www.negocioscomflores.com.br/artigos-gratis/estrategia-de-guerrilha-noseu-orcamento-pessoal/

DEPOIS DA CHUVA VEM O VENDAVAL

Ok, daqui a pouco você reabriu. Vamos assumir que algo como o descrito no capítulo anterior aconteceu (os impactos da falta de liquidez).

Provavelmente você vai atacar a Páscoa, terá esperanças para o dia das mães e ainda nem quer pensar no dia dos namorados.

O segundo trimestre é o período mais forte do mercado mas esse ano vai coincidir com o pior momento da crise.

A previsão é que o PIB caia 3% esse ano, sendo que em abr-mai-jun a queda do PIB será de 6%! (ele recupera um pouco no trimestre seguinte).

3a DICA – não se isola. Quem está procurando conversas construtivas em diversas direções tem mais chance de achar sua inspiração.

4a DICA – proteger o caixa É inadiável, mas se não criar produtos atrativos e uma forma nova de promove-los, nenhuma liquidez virá. PROCURE COM QUEM FAZER ISSO PARA UMA PARCERIA NESSAS DATAS. Compartilhe esforços e combine ideias pra fazer mais com menos.

DAS CINZAS, NAS MATAS DA AUSTRALIA, A NATUREZA RESSUGIU. E PARA AQUELES QUE REBROTARAM, UM MUNDO ABERTO E SEM CONCORRENCIA SE OFERECEU!

Seja pelas dicas sobre como renegociar com fornecedores, para preservar seu negócio, ou pelas dicas do artigo de guerrilha para sobreviver sem dinheiro, nas suas contas pessoais, você vai passar pelo 2o. trimestre.

A notícia boa é que o 3o trimestre será o período mais forte desse ano ( e talvez o melhor durante os próximos tempos). Naquele intervalo o PIB deve crescer 3% ( só nesse recorte de jun-jul-ago).

Será um momento para fazer liquidez, novamente explorando parcerias, demandas reprimidas do consumidor e a sua habilidade de se comunicar agora.

Nesses meses teremos:

a) diversas datas secundárias ( dia amigo, dia da vovó, dia dos pais, dia do professor, dia do médico);

b) teremos início da safra de aniversários ( set a nov);

c) teremos o enorme apelo da PRIMAVERA ( que esse ano será uma grande celebração).

5ª DICA – OLHE o almoço ( como vender agora) mas mantenha o olhar também no jantar! ( INCLUA o próximo passo dentro das suas preocupações)

6ª DICA – use a comunicação pra construir uma tribo de seguidores. Mostre relevância e ganhe confiança nos 3 próximos meses para ter uma base de contatos pronta para suas ofertas no 3º trimestre!

A VENDA sempre começa antes da venda e quem tem o acesso ao cliente fará o negócio.

Pare de vender e comece a empreender!

Augusto Aki – consultor de modelos de negocio 019 991279660

Confira 5 benefícios de ter flores em casa

Mais do que simples adornos, elas contribuem para a nossa qualidade de vida, influenciando positivamente no nosso bem-estar físico e emocional. Por isso preparamos este post para mostrar os benefícios das flores para a sua saúde e para o seu lar, principalmente nesses dias de distanciamento social e home office.

Para que você não tenha mais dúvidas sobre os benefícios com os quais as flores brindam seu lar, sua vida e a de seus familiares, relacionamos 5 deles. Confira e permita que elas ofereçam o que têm de melhor.

1. Minimizam as dores
Segundo diversas pesquisas realizadas em hospitais, comprovou-se que pessoas internadas que ficam em contato com as flores que recebem de presente consomem menor quantidade de medicação para aliviar suas dores. Essas pesquisas também revelaram que as flores auxiliam na recuperação mais rápida dos doentes.

2. Ajudam a relaxar
Um estudo revelou que estar em contato com a natureza é capaz de nos fazer acalmar a mente e fortalecer a saúde emocional. Além disso, ter flores em casa (ou no ambiente de trabalho) pode contribuir para a redução do estresse.

3. Melhoram a qualidade do ar
As plantas transformam o dióxido de carbono em oxigênio e são capazes de retirar outras substâncias tóxicas que estão no ar, purificando-o. Além disso, são excelentes umidificadores naturais de ambientes.

4. Inspiram a criatividade
Caso a sua criatividade esteja um tanto preguiçosa, nada melhor do que observar as flores. Suas cores e desenhos são fontes de inspiração para criar ideias e deixar a imaginação fluir. Portanto, em situações de bloqueio criativo, recorra às flores.

5. Fornecem energia
As flores de cores mais vibrantes e quentes são fontes geradoras de energia. Essa energia é uma excelente incentivadora para as atividades diárias, aditivo para a produtividade, além de estimular o apetite. Força total!

via ikebanaflores.com.br